17 maio2022

    Hotel mais alto do mundo é inaugurado em Xangai

    Leia também

    Recepção J Hotel

    Recepção do J Hotel, que ocupa os últimos andares da Torre de Xangai (Foto: reprodução/site/J Hotel)

    “Acima de tudo”. É assim que os clientes do J Hotel, em Xangai, podem se sentir quando estiverem hospedados por ali, já que a descrição vai de encontro com uma de suas principais características: o de hotel mais alto do mundo.

    Inaugurado no sábado (19) no núcleo econômico da China, o empreendimento ocupa os últimos andares da Torre de Xangai, que possui 632 metros e 128 andares. A Torre é o segundo prédio mais alto do mundo, ficando atrás somente do Burj Khalifa, em Dubai, com 828 metros.

    Pertencente ao grupo Jin Jiang International Hotels, propriedade majoritária do Estado chinês, o hotel de luxo possui 165 quartos, incluindo 34 suítes, distribuídos entre os 86º e 98º andares.

    Divididas em seis categorias, algumas das acomodações são luxuosas, como a Shanghai Suite, maior suíte disponível, que soma 380 metros quadrados.

    Shangai suite J Hotel
    Quarto da Shanghai Suite, que possui vista privilegiada para o centro de Xangai (Foto: reprodução/site/J Hotel)

    Descrita como “integrada ao céu”, no 98º andar, a acomodação tem vestiário, escritório, cozinha e área de fisioterapia. Logo na entrada os hóspedes são recebidos por uma fênix chinesa e bordados de peônias na parede de couro de bezerro. Um salão curvo oferece uma vista panorâmica exclusiva de Puxi, o centro de Xangai.

    O hotel ainda tem sete diferentes restaurantes, cada um com design e decorações únicas. Entre eles está o Heavenly Jin, no 120º andar, a 556 metros acima do chão, que oferece uma fusão das cozinhas moderna europeia, japonesa e chinesa, de acordo com o site oficial do hotel. Uma piscina indoor, fitness center e spa também podem ser encontrados entre os 84º e 85º andares, mas ainda não estão em funcionamento.

    Restaurante Heavenly Jin J Hotel
    Bar dentro do Heavenly Jin, restaurante no 120 andar da Torre de Xangai (Foto: reprodução/site/J Hotel)

    Fonte feed: Via Feed Viagem e Gastronomia