25 maio2022

    Pintor é expulso de rodízio por comer 15 pratos de massa; assista

    Leia também

    Contagem regressiva para o show de Maria Gadú em Aracaju

    A cantora Maria Gadú está de volta a Aracaju...

    Supermercado realiza Festival de Marcas Exclusivas até dia 31 de maio

    São mais de 100 itens, incluindo alimentos, bazar, higiene...

    Um brinde ao café

    No dia Dia Nacional do Café, que tal celebrar...

    Rancho de São João RioMar

    RioMar Aracaju abre a temporada de festejos juninos e...

    O pintor João Carlos Apolonio teve seus momentos de fama nesta semana por causa de seu apetite fora do comum. Em suas redes sociais, Apolonio revelou que foi “convidado a se retirar” de um rodízio de massas após comer nada menos que 15 pratos.

    “Eu estava procurando um lugar mais em conta para poder almoçar, quando vi a placa de rodízio de massas, coxinhas, lasanha e etc. à vontade por R$ 19,90. Até que eu não estava com muita fome, porque eu tinha comido oito pãezinhos”, disse o pintor em entrevista ao programa Melhor da Tarde, da Band, nesta quarta-feira (14).

    “Trabalho com obra, como bastante. Gasto muita energia. De início, pedi 10 pratos (cinco lasanhas, três nhoques e dois macarrões) e eles trouxeram”, contou Apolonio. O inocente garçom que atendeu o pintor ainda avisou que, caso houvesse desperdício, ele deveria pagar uma taxa de R$ 9,90.

    Segundo o pintor, o garçom teria arregalado os olhos quando ele pediu mais oito pratos: quatro de lasanha e quatro de nhoque.

    Desesperado, o gerente do restaurante foi até a sua mesa para convidá-lo a se retirar. “Por gentileza, o senhor aceita uma proposta? O senhor não é obrigado a ir embora, mas se o senhor for agora, a gente devolve o seu dinheiro e você não paga nada”, teria dito o funcionário do restaurante.

    Confira o relato de Apolonio a seguir.

    (*) Da redação da Menu

    Fonte feed: Via Feed Revista Menu