sexta-feira, abril 12, 2024

Promovendo a pesca artesanal no semiárido baiano

Leia também

Esta publicação é resultado do trabalho da Fundação Slow Food para a Biodiversidade, no âmbito do projeto Governança Local para a Biodiversidade (G.Lo.B.), realizada no território Sertão do São Francisco, no estado da Bahia – Brasil. O projeto G.Lo.B. é cofinanciado pela Comissão Europeia e tem como objetivo apoiar as autoridades locais de países de língua portuguesa – Brasil, Angola e Moçambique. Esta cooperação fomenta a definição e adoção de políticas públicas para promover a conservação e o desenvolvimento da agrobiodiversidade, melhorando a qualidade de vida da população, reduzindo a vulnerabilidade econômica e social da agricultura familiar nestes países.

No Brasil, o projeto é realizado por meio de uma parceria entre o Governo da Bahia, através da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) / Superintendência da Agricultura familiar (SUAF), em articulação com os atores locais – Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada (IRPAA) e organizações parceiras da Itália: Cooperação para o Desenvolvimento dos Países Emergentes (COSPE), Regione Veneto e Fondazione di Venezia.

Baixe aqui a publicação.

Fonte feed: Via Feed Slow Food