2 julho2022

    Sob comando de Thiago da Sucesso, trade se reúne e debate soluções para o turismo em Sergipe

    Leia também

    Casa dos Dragões anima as férias no Shopping Jardins

    Piscina de bolinhas, contação de histórias, oficina de arte,...

    Para animar as férias das crianças, RioMar recebe a Vila do Chaves

    Vila do Chaves chega ao RioMar Aracaju, para animar...

    Amstel promove ação contra o racismo na Libertadores

    Cerveja oficial da Copa Libertadores, a Amstel resolveu se...

    Motostore inaugura sua primeira unidade em Aracaju

    Quiosque de atendimento Motostore é inaugurado no RioMar Aracaju Espaço...

    Representantes do trade turístico de Sergipe participaram de um debate em busca de soluções para o turismo do estado durante o encontro que ocorreu nesta semana no Real Praia Hotel, em Aracaju. Com idealização de Thiago da Sucesso, referência no seguimento e pré-candidato a deputado estadual, o evento reuniu dezenas de profissionais da área como agentes de viagens, guias de turismo, turismólogos, operadores de turismo, gerentes e proprietários de bares e restaurantes, produtores de eventos, membros da indústria hoteleira, músicos, Comissão do Direito Aplicado à Hotelaria e ao Turismo da OAB, empreendedores e entusiastas do setor.

    “O evento foi muito produtivo para o trade que ainda passa por dificuldades intensificadas durante a crise econômica gerada pela pandemia da Covid-19. Como idealizador dei boas vindas, recebi cada convidado e dividi o palco com o guia de turismo Well. Juntos abordamos diversos assuntos e problemáticas do turismo sergipano com a participação do público. Foi um momento importante para trocar experiência, vivências e buscar alternativas, avaliar e driblar a situação que atinge a categoria”, orgulha Thiago.

    Entre as pautas foram debatidas a acessibilidade, turismo pedagógico, criação do calendário de eventos, divulgação e participação do Estado em feiras e congressos nacionais e investimentos nas redes sociais. “Foram discutidos como atos mínimos e urgentes que podem ser executados e trazer benefícios diretos para o setor”, defende o idealizador.

    Outro ponto curioso, foi que os participantes acharam estranho Sergipe não fazer parte do ‘Projeto Nordeste Arretado’ que uniu Alagoas, Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte para fomentar roteiros turísticos.

    “Não faz sentido Sergipe ser considerado o país do forró com o objetivo de manter a cultura e tradição da população e faltar a valorização do mês de junho como a “nossa princesa no calendário de turismo”. Os sergipanos e turistas foram surpreendidos da quantidade mínima de dias para o Forró Caju e Arraiá do Povo, além dos eventos do interior também. São festas com programações divulgadas muito próximas ao mês de junho, o que impossibilita o turista a se programar de forma antecipada para escolher Sergipe como destino. Outro descaso lamentável é com a tradicional Rua de São João que perdeu a sua programação”, avalia.