segunda-feira, abril 15, 2024

Gastronomia: área gera 450 mil empregos ao ano

Leia também

Fábio Snoozer apresenta-se neste domingo no Shopping Jardins

Músico é atração do projeto Viva Música O cair da...

Trupe Guaraná apresenta show de mágica neste fim de semana

Espetáculos gratuitos acontecem neste sábado e domingo, 13 e...

Roupa Nova anuncia sessão extra em Aracaju no dia 22 de maio

Após os ingressos do show se esgotarem com apenas...

Um a cada três bares em Sergipe opera no prejuízo; saiba os motivos

A pesquisa é da Associação Brasileira de Bares e...

O profissional em Gastronomia pode trabalhar de forma direta ou indireta na produção de pratos, na elaboração de cardápios, na gestão do negócio, entre outros

A área de Gastronomia tem várias opções de atuação que vão desde chefe de cozinha até consultor de restaurantes. Mas, para entrar para o setor, é preciso se profissionalizar e entender como funciona a culinária, bebidas, produção de alimentos, a forma como a comida é preparada e servida, a apresentação, os acompanhamentos, o ambiente de refeições, design de pratos e talheres, entre outros.

Em uma pesquisa divulgada pelo Instituto Foodservice Brasil (IFB), o brasileiro gasta um terço da renda mensal com alimentação em refeições fora de casa, gerando cerca de 450 mil novas oportunidades de emprego por ano, segundo a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel). Sendo esse um dos fatores que fazem o curso de Gastronomia ser tão importante, já que a alimentação é algo que requer muita atenção.

De acordo com a coordenadora pedagógica do curso de Gastronomia da Universidade Tiradentes (Unit), Isabelle Brito, o profissional em Gastronomia é essencial para a sociedade. “O gastrólogo cuida da saúde, então, ele entende todo o processo de manipulação com segurança desses alimentos desde a criação dos pratos. Além da saúde, a alimentação também está muito ligada ao lazer e ao entretenimento. É uma experiência gastronômica. Então é possível perceber que além de atender a necessidade, mesmo fisiológica da alimentação, ela hoje passa por essa questão sensorial trazendo uma experiência diferenciada por mais simples que seja a refeição”, pontua.

Para quem tem o sonho de ser gastrólogo, mas não tem tanto tempo disponível para comparecer à faculdade todos os dias, a Unit oferece o curso na modalidade de Educação a Distância (EAD) híbrido, onde os alunos têm acesso às disciplinas teóricas de forma virtual e as disciplinas práticas presencialmente no laboratório da instituição duas vezes por semana. 

Durante a graduação, os alunos têm a oportunidade de ter acesso a elaborações de engenharia de cardápio, gestão de eventos, planejamento físico, precificação, formação de equipe, controle gerencial, etc. Aperfeiçoando ainda mais as habilidades básicas para quem nunca teve contato com a cozinha por meio de técnicas mais avançadas que vão desde a área de panificação e confeitaria. 

“Tem disciplinas como, habilidades, práticas, técnicas de cocção, onde os alunos compreendem toda a parte de cortes, manejo, pré-preparo, limpeza, proteínas vegetais, cereais além da cocção propriamente dita, em que é possível trabalhar com entradas frias, as saladas, sanduíches, com a parte de nutrição e química dos alimentos para compreensão das transformações nutricionais, etc”, explica a coordenadora

A coordenadora ainda aponta algumas das áreas em que o gastrólogo pode atuar. “As áreas de atuação são diversas. O ramo da gastronomia proporciona desde a montagem do seu próprio negócio como também a possibilidade de trabalhar em hotéis, restaurantes, cruzeiros, personal chef, área de eventos, produzindo buffets específicos. Também existe a área de consultorias, ou seja, é um leque bem extenso”, destaca.

Asscom Unit