sábado, março 2, 2024

Como bares e restaurantes podem se preparar para a Copa do Mundo?

Leia também

Setor deverá ter aumento de até 20% de movimento ao longo dos jogos; veja quais estratégias utilizar durante o torneio

O mundial de futebol, que acontece tradicionalmente em meados de junho e julho, acontecerá excepcionalmente no final deste ano, coincidindo com datas importantes para o varejo nacional, como a Black Friday e o Natal. Visando atender o aumento no fluxo de clientes durante o torneio, o setor de bares e restaurantes pretende aumentar o seu número de colaboradores e preparar condições especiais para o consumo.

Segundo a associação BaresSP, os estabelecimentos que pretendem transmitir os jogos da Copa podem ter um aumento de mais de 20% no fluxo de faturamento. A expectativa elevada acontece devido ao calendário de partidas estar ligado as confraternizações de fim de ano, o tradicional amigo secreto, pagamento da primeira parcela do 13° salário e a fase de grupos do campeonato repleta de jogos do Brasil no período da tarde, possibilitando o alongamento do happy hour.

“Uma Copa do Mundo no final do ano é algo inédito para o cenário do varejo nacional. O evento movimenta o comércio com vendas de artigos esportivos, ítens decorativos, televisores, ingredientes para churrasco, dentre outros itens. Bares e restaurantes que desenvolverem uma programação especial para os jogos, também vão observar o aumento na lucratividade”, comenta Maurício Stainoff, presidente da Federação dos Lojistas de São Paulo (FCDLESP).

Para suprir a demanda dos torcedores, Maurício Stainoff oferece algumas estratégias de como os estabelecimentos podem desenvolver um bom ambiente durante as partidas, alinhando a satisfação dos clientes com o consumo.

Decoração temática

Todo torcedor deseja sentir o clima do jogo como se estivesse dentro do estádio, nesse sentido, as decorações temáticas ajudam a criar uma atmosfera de agitação. Bandeiras, taças e bolas são opções tradicionais de decoração. 

Uma segunda opção, mais personalizada, é criar decorações ligadas à cultura local do Catar. “A decoração atrai e mantém o consumidor no estabelecimento, gerando satisfação e resultando em consumo”, explica.

Transmissão ao vivo

Os famosos telões de transmissão são um chamariz para atrair o público consumidor. Eles geram conexão entre os torcedores e animosidade no ambiente em que está posicionado. Projetores e televisores são uma grande aposta para elevar o movimento em bares e restaurantes. “Investir na tecnologia da transmissão de jogos é essencial para garantir o aumento no fluxo de faturamento do estabelecimento. É válido pensar no audiovisual – telões e sistema de som”.

Promoções e descontos especiais

Uma outra estratégia para engajar o público são promoções e descontos nos dias de jogos. Desenvolver um preço especial de bebidas durante os horários dos jogos pode ser uma forma de atração de clientes. “Assim como no happy hour, um período específico de tempo com redução nos preços de alimentos e bebidas é uma estratégia para atrair o público consumidor”, finaliza Maurício.